3 de agosto de 2011

É preciso começar a mudança

É isso aí Dilma!...A mudança não deve se restringir apenas o Ministério dos Transportes. Precisamos também moralizar outros, onde estiver a corrupção. Não tenha medo Dilma. Descobriu a falcatrua, rua, processos em cima deles. Apesar de nossas leis serem brandas, é preciso confiscar o que roubaram. Só assim teremos um país de verdade. Sabemos que o legislativo, seja no âmbito municipal, estadual, federal, representa o atraso secular de nosso país. O cancer malígno, resquício de tudo feito em detrimento a poucos.Nas câmaras municipais, a representação deveria ser distrital, com salários apenas como ajuda de custo, trabalho voluntário. Nas câmaras estaduais e federal, tudo deveria se repetir mais ou menos por aí.Deveríamos ter no máximo 80 deputados, 2 assessores cada um, assessores concursados. Porque penso sempre: desculpem a franqueza:80 cometem os mesmos erros que 550, se fossem só 80, seria mais fácil responsabilizar os erros de cada um. O senado é uma inutibilidade, ainda mais com os seus suplentes: uma piada. O que a Dilma pode fazer em 6 meses, o mandato inteiro a câmara não vai fazer. Ela devia esquecer um pouco esses tais aliados, resolvendo sozinha, aquilo que pudesse. Veja a reforma eleitoral: Um dos relatores é o gambá no galinheiro. Vai mudar um palito, uma vírgula, um ponto: Não vai mudar nada, não se iludam.No processo, nós bem sabemos, por experiência anterior, são muito perigosos esses senadores, deputados, mas enquanto estão só rosnando. O que a Dilma deve fazer é abrir o portão.  Os cães só vão ficar rosnando e o BRASIL precisa progredir e eles não são o Brasil. Dilma, se não fizeres nada, não
puxar-lhes as orelhas, dizer das suas responsabilidades, vai ficar tudo como está. Espero que esse governo
seja diferente. Espero!...

Nenhum comentário:

Postar um comentário